No Divã
Diário de bordo: os desafios do segundo mês
por Mayara Costa    Dia 25/11/2015      No Divã

Estou de volta! Pra quem não leu o meu último texto, é só clicar aqui para acessar. Relembrando… Há algumas semanas estou envolvida com a minha nova empreitada: mudar os meus hábitos e com isso ter uma vida mais saudável? Fácil? Nem um pouco. Mas quem disse que as coisas fáceis são as que mais valem a pena?

Confesso que neste mês tive muita dificuldade para me manter na dieta recomendada pela nutricionista. Como é difícil falar não para as coisas que gostamos! Muitas vezes me vejo pensando “ah, é só dessa vez”, “eu mereço hoje”, “um dia só não faz mal”, e acabava me entregando às vontades.

Como manter um hábito alimentar saudável depois de tanto tempo comendo de forma errada? Por que é tão difícil? Perguntas assim me atormentam com frequência, e às vezes dá vontade de desistir da reeducação alimentar. Mas em seguida penso que nunca é tarde para recomeçar. Mais uma vez agradeço ao apoio dos meus amigos que não me deixaram desistir e me incentivaram a praticar esportes.

Me matriculei em uma academia e luto comigo mesma para ir diariamente. Optei pela academia por causa da comodidade e pelo ambiente onde encontro outras pessoas que enfrentam o mesmo desafio que eu. Separei duas horas do meu dia para me exercitar e, quando não vou à academia, procuro ir pedalar ou patinar nas áreas de lazer da cidade que moro. Além do auxílio na perda de peso, esse novo hábito me ajudou a reduzir tempos ociosos que eu gastava em filmes, seriados, redes sociais e outros passatempos que consomem muito do nosso tempo de forma improdutiva.

Retornei à nutricionista semana passada e fiquei surpresa com o resultado porque, mesmo saindo da dieta, os exercícios me ajudaram a perder peso e medidas. Claro que o resultado teria sido bem melhor se eu continuasse firme, mas fiquei muito feliz em perder mais 2,5 kg esse mês.

Já emagreci 5kg desde comecei a reeducação alimentar e algumas pessoas já notaram a diferença em mim, o que me motiva ainda mais. E você? Quais são as suas maiores dificuldades na hora de mudar de hábitos? Lembre-se: é difícil, mas vale a pena! No próximo mês eu volto para contar mais da minha história, até! :)

Mayara Costa
COMENTÁRIOS
Comente com
MAIS LIDAS